A presença digital atualmente é um dos assuntos mais comentados entre as agências de comunicação e empresas que buscam alavancar suas vendas e fazer a imagem de sua marca prosperar. As ferramentas utilizadas no meio digital facilitam a comunicação entre você e o seu público, pois criam uma rede de relacionamentos que tende a se expandir com mais agilidade que os canais off, gerando um aumento do alcance do discurso de uma marca.

Por conta da aceleração que os processos de comunicação sofreram devido à popularização da internet e do compartilhamento de informações e produção de conteúdo, a presença digital não é questão de escolha, mas sim, imprescindível para quem quer ser notado pelo seu público. E para não fazer feio no âmbito digital e reforçar os atributos positivos da sua marca é necessário prestar atenção em alguns pontos que são cruciais na hora de inseri-la na vitrine digital.

Comprometimento e periodicidade regular dão credibilidade a sua marca frente ao público

No meio digital o público espera por respostas imediatas e que a marca esteja comprometida a lhe fornecer conteúdos regulares e afinados aos seus interesses. Por isso, é preciso entender o seu público – mapear personas (link para texto de personas) e detectar seus hábitos e sua relação com o meio digital. Nossa dica é que você observe os horários de maior visita a sua página, pesquise sobre os hábitos de consumo da sua persona – lugares que frequenta, linguagem que utiliza nas redes sociais, gêneros musicais predominantes naquele universo, causas em que se engajam, etc – e trace um perfil que torne claro para você o comportamento do seu cliente a fim de produzir um conteúdo que case com as expectativas dele.

Algumas estratégias são:

1 – Crie um blog – Conteúdos educacionais, que criem valor percebido para o seu público são uma ótima maneira de, além de ensinar o seu potencial cliente sobre o seu empreendimento, cativá-lo para que veja a sua marca como referência em determinado assunto e, assim, criar uma relação mais próxima com o cliente.

Mas atenção: não poste um conteúdo e deixe ele de lado aguardando as visitas dos clientes. Utilize todas as plataformas possíveis para direcionar o seu público até o seu blog e esteja sempre atento para a otimização e reotimização dos conteúdos, criando pontes para outras matérias do blog e buscando aumentar o tempo de permanência do usuário na sua plataforma de maneira singela e orgânica.

2 – Faça vídeos para o Facebook e YouTube – As produções audiovisuais tem ganhado destaque devido a sua facilidade em contar histórias – o famoso “

storytelling”, que é uma parte da produção de conteúdo. Os recursos visuais tem uma capacidade muito maior de despertar emoções no público e, reconhecendo a importância de nutrir um bom sentimento pela marca, o audiovisual se torna uma excelente alternativa para criar um posicionamento emocional do seu empreendimento frente ao mercado. A relevância das produções em vídeo é tão alta que plataformas como o Facebook já priorizam o alcance desses conteúdos na timeline de seus usuários. Por isso, invista tanto no YouTube como acervo de seus vídeos, quanto no Facebook como meio de divulgação da sua marca.

3 – Utilize infográficos para reunir informações úteis e convincentes – Os infográficos são uma excelente oportunidade de demonstrar autoridade em determinado assunto e, por conterem dados quase sempre referenciados e precisos, geram uma sensação de entrega de conhecimento muito grande. Além disso, a liberdade de sua criação, se pensada para facilitar a leitura e trabalhar aspectos estéticos da marca, torna o conteúdo mais atrativo visualmente, o que pode seduzir o seu potencial cliente e levá-lo a procurar mais conteúdos produzidos por você.

4 – Disponibilize ebooks para o seu público – Os ebooks são uma ótima ferramenta para criar iscas para o seu potencial cliente, pois como funciona como moeda de troca, o usuário não se incomoda em deixar seu e-mail cadastrado e mais alguma informação para você, pois tem a sensação de ganho ao receber um material informativo rico. Por isso, é sempre bom criar materiais esteticamente atrativos e com conteúdo conciso para que a isca tenha o efeito desejado. Uma vez tendo conquistado esse lead, a ligação com ele fica muito mais estreita e os dados ainda podem te auxiliar em um mapeamento mais preciso das suas personas. Uma estratégia e tanto!

Seguindo esses passos você pode aproveitar as melhores oportunidades do ambiente digital e ainda sair na frente de muitas marcas concorrentes. Agora, arregace as mangas e comece a produzir conteúdos de qualidade!

Por Elena Dias

Leave a comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *